IRRITADA? QUE FAZER?

 

 PapoCaseiro

Tem dia que não dá. Aquele que, apesar de ensoralado, você acha que não deveria ter levantado da cama. Tudo acontece para enervar. Nada parece dar certo. As crianças estão levadas acima da conta. A empregrada ou diarista não vem. O marido nas últimas do mau humor. Qual a soma de tudo isto? A irritação se apodera. Então, o caldo entorna, o desânimo toma conta e o cansaço se assonhoreia. Qualquer uma de nós se torna uma mulher a beira de um ataque de nervos.

‘O prudente percebe o perigo e busca refúgio; o inexperiente segue adiante e sofre as consequências’ Livro de Provérbios 27:12/NVI

Esta é a melhor maneira de encarar um dia difícil. Ao perceber o perigo do agito e a dificuldade de enfrentar as situações, procurar um escape e um modo de fugir do estresse é interessante. A maneira de sair do dilema pode ser diferente para cada uma. Contudo, achar refúgio na serenidade, moderação e equilíbrio, ajuda. Como? Buscar não ser perfeccionista. Tentar fazer tudo, menos o impossível. Fazer com que todos colaborem. Ter como refeição um prato único que satisfaça a todos. Não são regras, mas tentativas favoráveis.

Há grande perigo numa pessoa estressada liderar um grupo ou uma família. Como erva daninha todos, igualmente, ficarão desequilibrados e neuróticos. Portanto, quanto mais rápido se tomar uma posição adequada para cada situação, melhor. Muitas vezes, ao me encontrar defronte de um processo deste, repito até me convencer: Vá com calma! Tente algo diferente! Pense! o que pode melhorar? Não é que faz efeito! e se insisto no erro, acabo sofrendo as desastradas consequências. Dê um jeito de não cair nesta.

Maria Simão

Publicado em Lar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Nossos Papos

Todos os Papos